sexta-feira, janeiro 21

Um pouco sobre mim

Oi gente, esse é meu primeiro post aqui no TT. Como podem perceber, Milena já fez as honras. E pra explicar, ela fez a maioria das coisas aqui porque eu sou a maior inútil se tratando de HTML. E ela ainda diz que não é boa. Aham, imagina se fosse. Ela arruma o blog, edita, escreve e... Eu basicamente só escrevo, o que vem na minha mente e principalmente no coração. Espero que gostem do blog, tanto quanto nós estamos gostando dele. Estaremos escrevendo aqui uma ou duas vezes na semana (ok, as vezes até mais) trazendo notícias legais pra vocês. Enfim, nem tenho mais o que falar. Milena falou tudo. Obrigada Milena ._. KK Brincadeirinha.

Meu nome é Letícia Vieira e eu tenho 13 anos. Eu não gosto muito de demonstrar meus sentimentos, ou talvez eu só ache difícil. Penso muito no que vou falar, porque se tem uma coisa que eu não gosto é de magoar alguém por uma coisa que eu falei. Eu gosto de fazer palhaçadas, de sorrir, mesmo que o mundo conspire contra mim, mesmo que eu esteja mais triste do que qualquer coisa. Eu nunca me deixo abalar. Algumas vezes, é impossível, de noite eu choro no travesseiro, mas então eu acordo de manhã com um sorriso no rosto e com uma disposição, uma vontade de ser feliz. Porque nada é fácil. Não é pra ser fácil. E as pessoas que eu gosto vão fazendo tudo parecer mais fácil. Por isso eu não sei o que seria de mim sem elas. Eu amo Lady Gaga. Ela é simplesmente a minha inspiração. Eu me identifico muito com ela. Ela não se importa com o que os outros pensam, e ela não tem vergonha de ser quem é. É por isso que eu a amo. Não é só pelas músicas, pelo seu estilo... É pela sua essência. Ah, e Johnny Depp... Eu sou feita pra ignorar o universo quando o vejo. Só de ver ele sorrir, ver ele atuando eu abro o maior sorriso do mundo e choro, mas choro de felicidade. Ele é um ator maravilhoso, um marido maravilhoso, um pai maravilhoso, um homem maravilhoso. Ah, nem consigo explicar porque se não vou acabar escrevendo um livro e qualquer outra pessoa que não seja Letícia Vieira não vai se interessar por isso. Enfim, sou uma pessoa. Eu faço coisas erradas, mas eu nunca deixo de me arrepender por elas. Essa não é quem eu queria ser, nem o que as pessoas queriam que eu fosse, sou simplesmente eu.

Um comentário:

. pamela moreno santiago disse...

fiz inspirado na da avril e na do paramore, Playing God.
acho as duas perfeitas.
Muito obriga e seu blog é simplesmente fofo *-*
beeeeeijos

 
+ FOLLOW